Entenda as modalidades de Factoring e qual a mais comum no mercado Brasileiro!

Entenda as modalidades de Factoring e qual a mais comum no mercado Brasileiro!

factoring no brasil

09 fev Entenda as modalidades de Factoring e qual a mais comum no mercado Brasileiro!

Para que você entenda melhor sobre as modalidades de Factoring Fomento Mercantil, é importante que saiba primeiro o que é uma Factoring.

Factoring (Faturizadora ou Factor) é uma mistura de prestação de serviços e compras de ativos de uma empresa (também chamada de Faturizado ou Fomentada).

Isso abre a possibilidade para que uma empresa venda os créditos vindos de suas vendas a prazo para uma empresa de Factoring. Tirando assim algumas responsabilidades, como: cobrança, dívidas dos clientes (que passam a ser da Factoring), o tempo gasto com administração (vez que a Factoring também presta esses serviços).

A Factoring tem o objetivo de solucionar os problemas do dia a dia enfrentados pelas empresas, principalmente as dos pequenos e médios empresários, trabalhando com assessorias.

Existem várias modalidades de Factoring no Brasil, por isso, neste post vamos entender cada uma delas. Vamos lá?

Factoring Convencional (Conventional Factoring)

Nessa modalidade a Factoring compra os créditos das empresas, ou seja, compra títulos de clientes devedores, com um desconto pelo fato de assumir todo o risco de cobrança e de inadimplência. Sendo assim, a Factoring passa a ser responsável por aquela dívida e a empresa recebe à vista o valor acordado com a mesma.

Essa transação é assegurada por um contrato, chamado: contrato-mãe.

Factoring Matéria-Prima

Desta forma a Factoring faz a intermediação entre a empresa e o fornecedor, ou seja, faz a compra da matéria-prima pelo melhor preço para a empresa e a mesma paga à Factoring com o faturamento dessa matéria.

Essa matéria-prima é necessária para utilizar em sua produção, mas levando em conta que a empresa não possui o recurso para investir naquele momento, recorre à Factoring.

Factoring Maturity

Nesta modalidade, a Factoring não assume os riscos das dívidas, apenas assume a responsabilidade de cobrar as dívidas dos clientes. Isso ajuda a empresa a não ter gastos com ligações, disponibilização de pessoas para cobrar, tempo gasto para analisar as entradas e saídas, ou seja, retira a responsabilidade de cobrança. O pagamento à Factoring é feito no dia do vencimento ou após, porém com uma data estipulada.

Factoring Trustee

Esta modalidade de Factoring Fomento Mercantil junta compras de títulos às assessorias administrativas e financeiras das empresas fomentadas. Ou seja, além de comprar os títulos e cobrar aos clientes, a Factoring também presta serviço de administração e assessoria financeira.

Factoring International (Factoring de Exportação)

São utilizadas para comercializar para o exterior bens produzidos pela empresa ou cliente da Factoring.

A exportação tem intermédio de duas empresas de Factoring, sendo uma de cada País. Isso garante a operação e liquidação do negócio.

O crédito é regido pela legislação do País de exportação e a concessão de crédito e cobrança feita pela lei do País de importação.

Responsabilidades de uma Factoring

Como visto, as empresas de Factoring possuem várias formas de trabalho, as especificações são:

  • Realizar cobrança por sua conta ou de terceiros;
  • Acompanhar processos produtivos e de mercados;
  • Acompanhar as contas a pagar e a receber;
  • Selecionar e avaliar os clientes, os devedores e os fornecedores.

Factoring e Banco

A Factoring é diferente de um banco pelo fato de que a mesma não é uma instituição financeira, mas o banco sim. O banco trabalha com empréstimos e partes financeiras de terceiros, a Factoring trabalha com seus próprios recursos, ou seja, não pode depender de outras formas de capitais a não ser as próprias para investir.

Vantagens de uma parceria

Algumas das vantagens de uma parceria com uma Factoring são:

  • A empresa não perde os valores de dívidas, recebem à vista esses valores e conseguem investir melhor em novos produtos ou serviços;
  • Não perde tempo ou dinheiro com cobrança a clientes (que normalmente são altos);
  • Possibilita que alguma empresa possa investir em alguma matéria-prima mesmo sem ter o capital no momento.

Você possui mais alguma dúvida sobre esse assunto? Deixe nos comentários!

Abraço!

Nenhum Comentário

Postar um comentário