Contratação de Funcionários: CLT ou PJ? Entenda as principais diferenças

Contratação de Funcionários: CLT ou PJ? Entenda as principais diferenças

clt ou pj

19 dez Contratação de Funcionários: CLT ou PJ? Entenda as principais diferenças

Muitos futuros empreendedores atualmente tem o sonho de transformar seu negócio em algo rentável e obviamente desejam ter um sucesso profissional.

No entanto, na hora de fazer girar o seu empreendimento, as questões que envolvem o Fisco como tributação, Contratação de funcionários, Receita Federal, alíquota, enfim, geram dúvidas acerca dos riscos que envolvem o seu negócio.

Na hora de contratar os profissionais que irão fazer alavancar os seus negócios é preciso ponderar o seguinte:

  • Qual tipo de profissional se torna mais vantajoso para a sua empresa: O profissional CLT ou o profissional PJ?

Se essa é a sua dúvida, então fique atento que as principais diferenças em CLT e PJ você descobre logo a seguir.

Mas afinal, o que é um profissional CLT?

O profissional CLT é aquele que tem sua carteira de trabalho profissional registrada, o que garante seus direitos perante a CLT.

Contratar um profissional neste tipo de regime, atualmente é o mais comum. Isso porque um profissional registrado com carteira, garante maior segurança e estabilidade aos empregadores.

A CLT – se trata na verdade da Consolidação das Leis Trabalhistas e é o que rege o setor empresarial nas relações entre empregador x empregado.

Desde 1943, a CLT prevê direitos e deveres entre ambas as partes no relacionamento profissional, com isso é importante o novo empreendedor ter o mínimo de conhecimento dessas Leis para não correr riscos que possam vir a prejudicar os seus negócios.

Quais os direitos de um profissional CLT?

Com intuito principal de cuidar dos direitos do empregado, a CLT traz inúmeras obrigações para que o empregador possa dar alguma segurança aos seus empregados, dentre eles destacamos alguns:

  • Férias;
  • INSS;
  • Salário Mínimo;
  • FGTS;
  • 13º salário;
  • Multa rescisória;
  • Aviso Prévio;
  • Indenização;
  • Estabilidade, entre muitos outros.

São inúmeras as obrigações das empresas para com seus funcionários, sendo assim é imprescindível o empreendedor tomar conhecimento sobre os encargos de cada uma das questões legais – para minimizar os impactos no negócio empreendedor.

Quais os benefícios de se contratar um profissional PJ?

A contratação de profissionais como PJ tem crescido e muito nas últimas décadas.

Isso porque muitas empresas veem mais vantagens nesse tipo de contratação, exatamente pela falta de obrigatoriedades que o regime CLT impõe.

Reduzir os custos com esse tipo de contratação é o principal objetivo das empresas de pequeno e médio porte, afinal, neste tipo de regime o empregador não possui a obrigação de arcar com FGTS, INSS e uma série de outros encargos onerosos.

Como é feita a contratação nesse tipo de relação PJ?

Para este tipo de relação, o contrato específico de trabalho é aferido entre as partes e emitida a nota fiscal sobre o mesmo.

Dependendo do tipo de negócio e profissional à ser contratado, esse tipo de relação diminui os valores à serem pagos pela empresa contratante em cerca de 33%, comparado ao regime CLT, conforme pesquisas relacionadas.

Especificidades desse tipo de relação

Alguns cuidados devem ser tomados nesse tipo de relacionamento entre a empresa que contrata e o profissional contratado.

Isso porque neste tipo de relação não pode se ter nenhum tipo de subordinação entre os mesmos, uma vez que este profissional não é um trabalhador subordinado.

Na grande maioria dos casos, principalmente em casos de consultoria, as datas de contratação e expiração do contrato devem ser estipuladas de acordo com o período acordado entre as partes.

Optando pelo melhor regime de contratação de acordo com o perfil do seu negócio

Agora que você já conhece os dois tipos de contratação de profissionais para melhor atender o seu tipo de negócio, é importante avaliar qual se enquadra no perfil da sua empresa.

Lápis e borracha na mão, além do auxílio de um bom profissional contábil, pois todas essas informações são essenciais para a sua empresa.

Bons Negócios!!

Nenhum Comentário

Postar um comentário